quinta-feira, 29 de abril de 2010

Secreto

É inivitável perceber
ecos de desejos,
a timidez do olhar, do perigo proibido
a espessura da noite
(um sonho talvez...)
No céu estrelado
com seu brinco de lua
posso sentir
sensações
borboleteando
dentro de mim

1 comentários:

Nini C . disse...

lindo texto, achei seu blog no blog de um amigo meu e gostei muito do que lí, já estou te seguindo, se puder visita o meu? beijos.